Categorias
Contabilidade DRE

DRE (Demonstração do Resultado do Exercício) – Entenda o que é e a sua importância para a saúde da sua empresa.

A DRE (Demonstração do Resultado do Exercício) é a ferramenta imprescindível para quem quer ter uma gestão financeira organizada.

Além disso, é um documento que já faz parte do calendário contábil anual de todo negócio. Por isso se você quer entender tudo sobre esse documento, leia este artigo completo.

CTA-Platinum-Instagram

Entenda o que é a DRE

A Demonstração do Resultado do Exercício é um documento que é executado anualmente, mostrando detalhes dos resultados no ponto de vista contábil e patrimonial. Por isso, ele é realizado em forma de planilha para facilitar a avaliação e inclusão das informações.

Dessa forma, a DRE é sempre elaborada após o final do exercício financeiro, que acontece de 1 de janeiro até 31 de dezembro e deve ter detalhado o resultado deste período, apontando o resultado líquido do ano.

Então, podemos afirmar que a DRE é um relatório que tem como intuito trazer de maneira simples informações pertencentes à receita, investimentos, despesas, custos e tudo da organização.

Confira as finalidades da DRE

A DRE vai muito além do que apenas um documento contábil, ela é um instrumento que mostra de forma simples e clara como está no momento a saúde financeira do seu negócio. Então através desse documento, os tomadores de grandes decisões podem ajustar o investimento em certas áreas. Dessa forma fazendo com que haja equilíbrio em todo o negócio.

Além de tudo, ele é um documento muito importante para atender à legislação. Assim segundo com as normas aplicáveis, toda vez que a empresa se encaixar na Sociedade Anônima (SA), necessitará fazer com que as suas DREs se tornem públicas, mediante uma publicação no Diário Oficial.

Outro ponto relevante sobre a sua finalidade é que as informações adquiridas são importantes para o preenchimento e envio da declaração do IRPJ (Imposto de Renda para Pessoa Jurídica).

Como ele tem a finalidade de apontar os resultados do negócio em um ano de atividade, é um documento que também é solicitado por investidores e bancos para a avaliação da saúde financeira do seu negócio,. Dessa maneira a DRE é usada para que eles consigam analisar se é possível autorizar financiamentos, empréstimos ou até investimentos no negócio.

Por conta disso, é possível falar que a DRE é um dos principais documentos que está relacionado à saúde financeira do seu negócio.

DRE-Receita-contador

O que precisa conter na DRE?

Não há um modelo oficial para a Declaração de Resultado do Exercício, porém há direcionamentos na legislação que apontam o que é obrigatório ter em toda DRE.

De acordo com o artigo 187 da Lei nº 6.404/1976 e a sua mudança pela Lei 11.638/2007, precisam ter na DRE as 7 informações seguintes:

  1. A receita bruta de todas as vendas e serviços, deduções das vendas, abatimentos e impostos;
  2. A receita líquida dos serviços e vendas, custo de todas as mercadorias e serviços que foram vendidos e o lucro bruto;
  3. Despesas com as vendas, financeiras, deduzidas das receitas, despesas no geral e administrativas, e despesas operacionais;
  4. O prejuízo ou lucro operacional, outras receitas e despesas;
  5. O resultado do exercício antes do Imposto sobre a Renda e a provisão para o imposto;
  6. As participações de empregados, debêntures, partes beneficiárias e administradores, mesmo na forma de instrumentos financeiros, de instituições ou fundos de assistência ou até previdência de empregados, que não são caracterizadas como despesa;
  7. O prejuízo ou lucro líquido do exercício e o seu montante por ação do capital social.

Entenda a estrutura da DRE

É primordial que a DRE tenha todas as informações exigidas pela legislação, porém, dependendo do tamanho da empresa e das suas atividades executadas, a estrutura pode mudar. Então para te auxiliar, elaboramos um modelo para ser usado como base para a elaboração da declaração, confira:

DRE-Contador
  • Receita bruta: valor faturado no período;
  • Deduções e abatimentos – impostos que recaíram na venda dos produtos ou serviços, como o PIS/Cofins e ICMS;
  • Receita líquida: resultado da subtração das deduções ligadas à receita bruta;
  • Custos das mercadorias vendidas – valor total dos custos envolvendo os produtos que são comercializados;
  • Custos dos serviços vendidos – total dos custos que estão relacionados aos serviços que foram prestados;
  • Lucro Bruto: resultado da receita líquida, porém menos os custos citados acima;
  • Despesas com as vendas – custos envolvidos na venda, como comissões, brindes e outros;
  • Despesas financeiras – envolve despesas bancárias, juros pagos, descontos, entre outros;
  • Despesas administrativas – é o acaba trazendo mais custos e envolve todas as despesas que estão relacionados ao funcionamento do negócio, como aluguel, energia elétrica, pagamento dos funcionários, água, seguros, combustível e outros.
  • Lucro ou Prejuízo Parcial: resultado do lucro bruto com a subtração de todas as despesas citadas;
  • Provisões da CSLL e do IRPJ – custos com recolhimento dessas taxas, sendo que o IRPJ é calculado em cima da renda bruta e o CSLL em cima da renda líquida;
  • Demais despesas – é necessário a indicação das despesas extra operacionais, como juros dos empréstimos, dividendos e outros;
  • Resultado Líquido do Exercício – após a subtração das despesas listadas do lucro ou prejuízo parcial, o seu negócio terá o valor final da DRE.

Relação da DRE com o Imposto de Renda e CSLL

Com base nos resultados que são apurados na DRE, o seu negócio deve calcular quanto precisará pagar de Imposto de Renda naquele ano.

Além disso, outro imposto que precisa constar na DRE é a CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido), com este intuito, o valor calculado do imposto será incidido sobre o lucro líquido do período de apuração.

Entenda a importância da DRE

Você já entendeu o quão importante é a Declaração do Resultado do Exercício e que pode impactar diversos setores do seu negócio.

Por isso, é imprescindível que a sua empresa tenha um escritório de contabilidade para te auxiliar tanto na DRE quanto nas outras obrigações tributárias que aparecem, como a Declaração do Imposto de Renda, que já falamos aqui.

CTA-Platinum-Facebook

Precisa desse auxílio para o seu negócio? Entre em contato conosco agora mesmo.